As crianças no direito

As crianças, antes conhecidas como menores no direito português, são hoje por nós tratadas e respeitadas como crianças para afastar a ideia errada que são inferiores a nós. Mas não são. São tantas vezes superiores a nós. Na beleza como vêm a vida, na forma como a encaram a vida e na forma como são sinceras e honestas a todas as nossas questões.

Mas é muito importante sabermos ouvir. Darmos-lhes a oportunidade de serem ouvidas, compreendidas, respeitadas e acima de tudo que saibamos sempre perceber o ponto de vista deles.

Sofrem tanto ou mais que os adultos no que respeita ao crime. Digo-vos já são capazes de suportar atrocidades que não nos passa pela cabeça. O seu limite à dor é muito inferior ao nosso, mas mais que isso, a sua capacidade de lidar emocionalmente com estas situações é ainda mais inferior. Vejo que as crianças que sofrem qualquer tipo de crime contra elas, acabam por serem crianças com infâncias perdidas, adulteradas, roubadas e são crianças silenciosas, tristes e quietas.

Parte de nós, adultos, pais, mães, advogados, juízes e cidadãos comuns … a proteção deles. A preocupação com a sua saúde mental, física e todos os cuidados com eles. Sem capacidade de se defenderem, de serem autónomos, somos nós que devemos fazer valer os seus direitos.

A audição deles é importante, mas muitas vezes feita de forma pouco cuidada. As crianças têm medo, medo dos adultos, medo de uma sala de audiência ou até de um advogado que não saiba colocar uma questão sem que com isso intimide. Ser perspicaz, original, didático e calmo é como que uma base para que as crianças saibam que podem contar, sem medos ou rodeios, a verdade do que lhes aconteceu.

As crianças são o futuro, o nosso futuro. Devem ser protegidas e estimadas como tal. Seres que necessitam de proteção, mas que também nos protegem, a sua honestidade e visão da vida salva-nos tantas vezes, a nós e ao nosso coração.

Ouçam as crianças, mas saibam ouvi-las.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: